Notícias

Equipe da 48ª DIP de Maués prende carpinteiro naval com 7 kg de maconha, 3 porções de cocaína e arma de fogo

A equipe de investigação da 48ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Maués prendeu em flagrante, no dia 10 de novembro deste ano, por volta de meio-dia, o carpinteiro naval Carlos Alberto Calheiro Soares, 32, conhecido como “Bacu”, por tráfico de drogas. O fato ocorreu na casa onde o infrator morava, situada na Rua Apoquitaua, bairro Mirante do Éden, naquele município, distante 276 quilômetros em linha reta da capital. 

Carlos Alberto Calheiro Soares (Foto: Divulgação)

De acordo com o delegado Rafael Schmidt, titular da 48ª DIP, eles chegaram até o infrator após quatro meses de investigações em torno do tráfico de drogas naquela região. Com Carlos os policiais civis apreenderam três porções de cocaína, um revólver calibre 38, seis munições, R$ 550 em espécie, uma caixa de som, duas televisões e 350 litros de diesel, desviado de uma distribuidora de energia que atua em Coari. Além disso, foram recuperados dois aparelhos celulares roubados que ele usava e uma balança de precisão.

“Ao longo das diligências nos deslocamos até a residência de Carlos e encontramos esse material. Em seguida nos deslocamos até a casa do irmão dele, onde apreendemos sete quilos de maconha, que pertenciam ao carpinteiro naval. “Bacu” também fornecia drogas ilícitas para o município de Boa Vista do Ramos e comercializava combustível furtado de uma distribuidora de energia. Ele ainda estava planejando roubar um carro-forte, passando informações para detentos de unidades prisionais da capital”, explicou Schmidt.

O delegado ressaltou, ainda, que ao longo das investigações ficou comprovada a participação de mais indivíduos na prática ilícita. Os nomes não foram divulgados para não comprometer o andamento das diligências. Esses infratores serão indiciados por tráfico de drogas e associação para o tráfico, segundo o titular da 48ª DIP.

Carlos Alberto foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas, receptação e posse ilegal de arma de fogo de uso restrito. Após os procedimentos cabíveis na delegacia o infrator ficou custodiado na Unidade Prisional de Maués (UPM), onde irá permanecer à disposição da Justiça.

Comentários