Notícias

Equipe da DEHS apresenta pintor envolvido em homicídio na Zona Leste

O delegado Ivo Martins, titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), apresentou na manhã desta segunda-feira, dia 28, durante coletiva de imprensa na sede da especializada, o pintor Tiago Oliveira dos Santos, 21, conhecido como “Neguinho”, apontado como autor do homicídio de Wenderson Bento de Abreu, conhecido como “Loirinho”, que tinha 28 anos.

Foto: Divulgação/AI-PCAM

Conforme a autoridade policial, o crime aconteceu na manhã da última sexta-feira, dia 25, por volta das 5h, em via pública, na Rua Jucá, bairro João Paulo 2, zona Leste. Tiago, segundo o delegado, teria cometido o homicídio porque ficou incomodado com a presença de Wenderson que estava consumindo drogas no referido endereço, que seria dominado por uma facção criminosa rival.

“No dia do fato, Wenderson usava entorpecentes no local, próximo de onde Tiago estava consumindo bebida alcoólica. Em determinado momento, o infrator se aproximou de ‘Loirinho’ e ambos iniciaram uma discussão, ocasião em que este último jogou um copo de cerveja no rosto do pintor. Enfurecido, Tiago entrou em luta corporal com Wenderson, e lhe desferiu aproximadamente oito golpes de faca”, informou Martins, destacando que a vítima veio a óbito no local.

Delegado Titular da DEHS, Ivo Martins (Foto: Divulgação/AI-PCAM)

   
De acordo com o delegado, Tiago foi preso pela equipe de investigação da DEHS ainda na tarde do dia 25, por volta das 16h30, na casa da mãe dele, situada na Rua Carvalho, bairro Tarumã, zona Oeste. Ele foi localizado a partir de denúncias anônimas que informaram o paradeiro do jovem.

Segundo policiais que acompanharam as diligências sobre o caso, Tiago relatou, em depoimento na delegacia, que não conhecia a vítima e disse não lembrar a motivação do crime. Mas testemunhas que presenciaram o fato afirmaram que eles se conheciam e que no momento do ato, o infrator teria chamado Wenderson pelo apelido.

O pintor foi autuado em flagrante por homicídio qualificado. Após os procedimentos legais, ele será encaminhado à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Comentários