Notícias

Policiais civis prendem homem envolvido na morte de vereador de Tabatinga

Delegado Danniel Antony (FOTOS: Divulgação/PC-AM)

Dois suspeitos ainda continuam sendo procurados

Policiais civis da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) cumpriram, na manhã de quarta-feira (23/11), às 9h30, na rua Papa Paulo VI, bairro São Jorge, zona oeste, mandado de prisão temporária, em nome de Casemiro Igor Barreto Bezerra, de 30 anos, envolvido na morte do vereador Olímpio Guedes Olavo Júnior, que tinha 30 anos.

Conforme o delegado Danniel Antony, adjunto da DEHS, o vereador foi morto no dia 12 de maio deste ano, no bairro Flores, zona centro-sul. Naquele dia, a vítima estava retornando de uma lanchonete, acompanhada de amigos, quando perceberam que um veículo da marca Volkswagen, modelo Gol, os seguia.

“Durante as investigações, chegamos a Casemiro Igor, apontado como o autor dos disparos. Agora, trabalhamos para localizar os outros dois autores e esclarecer a movimentação desse crime”, disse a autoridade policial.

O adjunto explica que, ao chegarem em frente a um condomínio, no bairro Flores, o veículo em que Olímpio estava foi alvo de disparos de arma de fogo, vindos de pessoas que estavam em outro carro, da marca Fiat, modelo Siena. “Casemiro estava no veículo Siena, que vinha de encontro ao carro da vítima, momento em que praticou o crime”, detalhou Antony.

Ainda conforme a autoridade policial, testemunhas relataram que o veículo Gol, logo após a execução, passou devagar pelo veículo que estava o vereador, dando a impressão de que os passageiros estavam se certificando da execução.

Procedimentos e procurados

Casemiro Igor foi preso em razão do mandado de prisão temporária pelo crime de homicídio. Após os procedimentos na DEHS, o homem foi encaminhado à audiência de custódia, onde ficará à disposição da Justiça.

As investigações ainda continuam para localizar e prender outros dois participantes do crime, sendo eles, Hudson Andrade Guerreiro, conhecido como “Gugu”, e Ewerton Silva de Jesus, conhecido como “Esquilo”.

“Quem possuir informações acerca da localização, deve entrar em contato pelo número (92) 98118-9535, disque-denúncia da DEHS, ou pelo 181, da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-AM)”, salientou a autoridade policial.

Comentários