Notícias

PC-AM explica quais são as atribuições da Delegacia Especializada em Capturas e Polinter

A DECP foi criada, principalmente, para o relacionamento entre as delegacias de outros Estado do Brasil

Você provavelmente já ouviu falar na ‘Polinter’ como é popularmente conhecida. Mas já sabe qual sua nomenclatura correta e quais são suas as atribuições? A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM) explica quais a funções que a Delegacia Especializada em Capturas e Polinter (DECP) cumpre, e qual a sua importância para a população.

O delegado Fernando Bezerra, que responde pela titularidade da Especializada, desde o ano de 2019, afirma que a delegacia tem duas funções essenciais para os trabalhos da polícia judiciária, sendo estas, a execução de ordens judiciais derivadas tanto da Justiça do Amazonas quanto das outras unidades federativas do país, e o relacionamento entre os policiais do Brasil inteiro.

Conforme a autoridade policial, a Polinter foi criada, principalmente, para que houvesse o relacionamento com as demais delegacias do país, para dar cumprimento às diligências criminais e cíveis que venham de outros estados, ou aos que saem do Amazonas para outras localidades.

“A Polinter atua como um elo entre as unidades policiais de todos os estados do Brasil, ou seja, por meio dela, se cumprem ordens judiciais emitidas de outras regiões, bem como, envia mandado que é expedido aqui no nosso estado, e precisa ser cumprido em outra unidade federativa. Desse modo, vai ser feita essa difusão por meio da Especializada”, explicou o delegado.

De acordo com o titular, também está entre as atribuições da DECP, o cumprimento de sentenças condenatórias e mandados de prisão de ordem cível, derivados da falta de pagamento de pensão alimentícia.

Atendimento ao Público – A Especializada funciona das 8h às 17h, e está localizada na rua Zuleide Brito, bairro São Jorge, zona oeste da capital. Também estão disponíveis os canais de denúncias pelos telefones (92) 3239-3841, (92) 3682-5273, e o 181, o disque-denúncia da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM).

“Para os casos de mães que tenham filhos em situação de alimentação, é importante comparecer na delegacia, com as informações sobre o responsável legal, para que possamos catalogar essas informações, ajudando no trabalho da captura. Garantimos o total sigilo”, ressaltou Bezerra.

 

Comentários