Notícias

Investigação criminal pela Delegacia de Homicídios é reforçada com van

DEHS é reforçada com van (Foto: Erlon Rodrigues/PCAM)

As investigações da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), da Polícia Civil do Amazonas, receberam um reforço nesta terça-feira (22/12). A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) entregou uma van equipada para o trabalho conjunto de delegados, investigadores, peritos e escrivães.

Com o veículo, os primeiros envolvidos na investigação policial poderão realizar procedimentos básicos iniciais, como consultas ao Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp), realização de oitivas, armazenamento de material, entre outros procedimentos que podem ser decisivos para as investigações.

O veículo foi entregue pelo governador Wilson Lima ao lado do secretário de Segurança Pública, coronel Louismar Bonates, a Delegada-Geral da Polícia Civil, Emília Ferraz, o titular da DEHS, delegado Charles Araújo, e o diretor do Departamento de Polícia Técnico-Científica, Lin Hung Cha.

DEHS é reforçada com van (Foto: Erlon Rodrigues/PCAM)

De acordo com o secretário de Segurança Pública, os agentes poderão atuar de forma mais próxima. “No local, o perito e o investigador vão fazer um trabalho de levantamento em toda a área do crime. Já o escrivão poderá ouvir aquelas pessoas que estiverem querendo ajudar a desvendar o crime. Isso vai trazer melhores resultados e mais condição para que a Polícia Civil possa elucidar os casos com mais facilidade”, disse.

O automóvel da DEHS conta com equipamentos de informática, como computadores e impressora, além de poder armazenar itens importantes para o levantamento pericial. Para a delegada-geral da Polícia Civil, Emília Ferraz, trata-se de um avanço na busca pela solução de crimes violentos. “O homicídio é o indicador mais importante para que seja padronizada a questão da violência ou não em um estado ou país. Tudo o que nós pudermos adquirir para que facilite o trabalho policial nessa área é um grande ganho para a população”, afirmou.

Delegada-geral da Polícia Civil, Emília Ferraz (Foto: Erlon Rodrigues/PCAM)

Segundo o titular da DEHS, delegado Charles Araújo, o trabalho de apuração das primeiras informações ganha um importante reforço. “O local do crime é onde a gente coleta as primeiras informações. Com a van, nossa equipe vai se deslocar com conforto e poderá fazer esse levantamento de uma forma conjunta com o auxílio da perícia”, disse.

Comentários